Menu

Notícias

11h59

BASES encerra 2015 com R$892 mi nos dois planos

Os investimentos da Bases, somados os dois planos de benefícios, atingiram, no ao final de 2015, o valor aproximado de R$ 892 milhões.

Compartilhe
Tamanho da Fonte

Os investimentos da Bases, somados os dois planos de benefícios, atingiram, no ao final de 2015, o valor aproximado de R$ 892 milhões. Em comparação ao mesmo período de 2014, houve uma evolução líquida de cerca de R$ 55 milhões.

Do total consolidado dos investimentos, cerca de R$ 288 milhões correspondem ao Plano Misto. A evolução, quando comparada a dezembro de 2014, foi de aproximadamente R$ 27 milhões.

O valor referente ao Plano Básico corresponde a R$ 604 milhões do total dos Investimentos. Nesse plano a evolução líquida, em relação ao mesmo período do ano de 2014, gira em torno de R$ 28 milhões.


RENTABILIDADE

Em 2015, diante da desestabilização dos cenários externos e internos, não foi possível bater a meta atuarial em nenhum dos dois planos. O Plano Básico (BD) obteve uma rentabilidade de 12,16%, enquanto sua meta atuarial (INPC + 5%) foi de 16,84%. O Plano Misto (CD) obteve uma rentabilidade de 12,62% com o fechamento da meta atuarial (de IGP-M + 4,75%) no ano de 15,79%.

No caso do Plano Básico, um dos motivos foi o descasamento entre o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) e o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).

O IPCA, índice oficial de inflação no país, baliza o rendimento da NTN-B, que é título público mais utilizado pelas entidades de previdência para aplicar em renda fixa. Já o INPC corrige a maior parte dos passivos dos planos, principalmente os mais antigos do tipo Benefício Definido (BD).

Em 2015, o IPCA variou 10,67% e o INPC, 11,28%. Quando o INPC é mais alto que o IPCA, como ocorreu, o compromisso futuro dos fundos aumenta mais do que a rentabilidade obtida com os papéis do governo.

No caso do Plano Misto, nosso desempenho foi impactado pela alta expressiva do IGP-M no segundo semestre do ano passado.

Em nosso caso não ocorreram mudanças no conservadorismo da gestão dos investimentos, que continua a privilegiar o segmento renda fixa, que comtempla cerca de 90% da carteira consolidada da BASES. O restante dos investimentos está distribuído entre os segmentos de estruturados, de imóveis e empréstimos a participantes, como está demonstrado nos gráficos nas próximas páginas.

Deixe seu comentário:
Fundação Baneb de Seguridade Social - BASES
End: Rua da Grécia, nº8 • Ed. Serra da Raiz, 9º andar
Comércio • CEP: 40010-010 • Salvador - BA
Tel.: 055 71 3319.6300
bases@bases.org.br
Fale com:
Seguridade 71 3319.6301 71 3319.6302 71 3319.6303 71 3319.6304
Empréstimo 71 3319.6310 71 3319.6313
Diretoria 71 3319.6300
Bases
2016 - 2019. Bases. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital